terça-feira, 6 de maio de 2014

Grávida no Verão!

Postado por Mah Menezes às 15:34

Com certeza este post vai ser colocado em dúvida pela maioria das mulheres grávidas, mas com base na minha experiência ficar grávida no verão foi ótimo!
A maioria vai dizer: -Ah mas o verão é péssimo, o calor, o cansaço, o inchaço! Eu concordo! Não estou dizendo que foi fácil mas dadas as situações, no meu caso foi ótimo estar grávida no verão.

Primeiro pq os exames de sangue foram tantos, daqueles que é necessário jejum e precisam ser feitos bem cedinho da manhã, imagina fazer isso no invernão? E as ecografias que foram muitas, lembrando que no início as ecografias são transvaginais, é preciso tirar pelo menos a roupa da parte debaixo, imagina no invernão II?

Os meus pés e tornozelos incharam tanto que pareciam dois leitões gordinhos, a única coisa que eu conseguia calçar era chinelo e não era qualquer chinelo que servia! Além de gordos e inchados meus pés aumentaram 1 número no comprimento, em um dia mais friozinho tentei usar tênis e meia, foi péssimo, os pés ficaram cortados em dois por causa do elástico das meias e o tênis não servia mais!! Já pensou como usar chinelos no invernão do sul?

Precisei levantar pra ir ao banheiro em torno de 9 vezes por noite, várias vezes o Gabi não parava de se mexer, não me deixava dormir e eu só conseguia pegar no sono e fazer ele relaxar depois de um banho morninho, banho de madrugada, no inverno não dá, como era verão foi super tranquilo!

No verão, qqr vestidinho, blusinha, calça mais larga que eu usava eu estava vestida, minhas roupas de inverno, depois do 7º mês com certeza não serviriam mais! Usar o que no invernão III?

Fora o fato de que o final da gravidez, a minha fase mais 'pesada' foi em abril e maio, meses que já não são mais tão quentes e ainda é possível usar roupinhas e calçados leves!

Então, se eu vir a ter outro filho, vou tentar programar para engravidar na mesma época, no verão, que pra mim foi muito prático!

Até nisso me senti abençoada! (L)

bjssss

0 comentários:

Postar um comentário